sábado, 22 de agosto de 2009

MULHERES QUASE SEMPRE VÍTIMAS

Esta semana estive presente a abertura de um Seminário sobre Violência contra Mulheres. Ouvi relatos de maus tratos e de preconceitos. Uma vergonha para a raça humana que ainda mantém em muitos lugares e oportunidades esse tipo de conduta preconceituosa, discriminatória e violadora da condição física e psicológica das mulheres.

Se fosse possível eleger hoje um homem símbolo desse tipo de conduta, sem dúvida que seria o médico paulista Roger Abdelmassih. Provadamente um monstro que fez uso de sua profissão para violentar sexualmente as mulheres que iam ao seu encontro a busca de uma oportunidade de gerar filhos. Em situações como esta, chega-se a pensar que o mal venceu o bem. Que não há mais solução para a intensidade da maldade humana.

Está de parabéns os Promotores de Justiça de São Paulo por terem tido a iniciativa de oferecer denúncia crime, ainda que tardiamente, contra esse médico que envergonha uma classe profissional tão nobre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário