sexta-feira, 28 de agosto de 2009

A POLÍTICA AGRÁRIA NO BRASIL

A notícia abaixo foi recebida por newsletter de Adão de Oliveira, de Porto Alegre/RS.

O Ponto


O autor do tiro que matou o sem-terra Elton Brum da Silva no conflito ocorrido semana passada, na operação de reintegração de posse na Fazenda Southall, em São Gabriel, é um soldado da Brigada Militar, de aproximadamente, 35 anos de idade. A revelação foi feita pela promotora Ivana Bataglin, da Vara Criminal do Fórum de São Gabriel, que juntamente com o delegado Lawrence Teixeira e com o Corregedor Geral da Brigada Militar, Paulo Rogério Machado Porto, trabalhou até as 5 horas da madrugada de hoje assistindo fitas e ouvindo policiais militares envolvidos na refrega. O soldado autor do disparo foi o último a ser ouvido. As imagens e fotos colhidas no local do conflito conduziram as autoridades para a descoberta do causador da morte do sem-terra. Ele portava uma arma calibre 12, com cartucho vermelho, contendo munição letal. Descoberto, nervoso, o soldado chorou muito, mas acabou confessando ser o autor do disparo.. A defesa do soldado vai alegar que o tiro foi disparado para defender um colega que estava sendo ameaçado, dentro de um ambiente de conflito. Até agora, não se sabe quem, nem quando vai ser divulgado o nome do soldado causador da morte do sem-terra, Elton Brum da Silva.

O Contra-Ponto
(A resposta de um leitor)

Será que não estamos vivendo uma inversão de valores, pois invadir propriedades e fazer barbáries (destruir instalações, plantações, matar animais, etc) parece ser a coisa mais natural e quando esses arruaceiros infiltrados e cobertos sob o manto da reforma agrária são alvejados... imaginen se as pessoas que não tem como pagar as contas para aquisição de seus alimentos, invadissem os supermercados, das pessoas que não tem acesso a uma saúde digna, invadissem os postos de saúde e hospitais, isso não seria o caos... Quem deve ser responsabilizado é o Governo que não cumpre com a política de reforma agrária e faz politicagem, não podemos admitir que terceiros paguem essa conta... isso não é uma inversão?

Nenhum comentário:

Postar um comentário