segunda-feira, 7 de setembro de 2009

INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Hoje os brasileiros comemoram o seu dia da Independência de Portugal. A data evoca sentimentos patrióticos que tem seu berço sentimental no ano de 1.822, quando o Príncipe Regente D. Pedro I declarou a emancipação política do Brasil do Reino de Portugal.
Tratou-se o episódio da declaração da independência às margens do Riacho do Ipiranga, Capital do Estado de São Paulo, foi culminância de um processo que tem início com a vinda da Corte Portuguesa para o Brasil em 1808. O episódio do Grito do Ipiranga foi a resposta do Príncipe D. Pedro I a decisão da Corte Portuguesa de determinar o seu retorno à Portugal.
A Estada da Corte Portuguesa até o ano 1.821, tornou o Brasil, especialmente a Cidade do Rio de Janeiro uma metrópole cultural e a despeito da maledicência D. João VI (então Principe Regente) implantou a infraestutura que tornou o Brasil viável como país independente: Universidades, Gráficas, Banco do Brasil, vias de comunicação.
O grande nome a ser lembrado, no entanto, trata-se de José Bonifácio de Andrada e Silva, o verdadeiro Patricarca da Independência. O Grande articular político além de preceptor de D. Pedro I e o único a ter sua estátua em Washington (USA) entre os Lideres da Independência dos países Americanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário