domingo, 14 de março de 2010

SAÚDE EM CAMPO GRANDE X SANTA CASA

Retorno de viagem e verifico que a notícia principal na mídia campo-grandense é o caos que se instalou no setor de saúde do município. Há cinco anos venho denunciando que a intervenção na Santa Casa foi um equívoco. Que os atos praticados naquele Hospital pelo município por intermédio de sua Junta Interventora ferem os elementares direito do cidadão ao ato médico. Embora isto, membros do Poder Judiciário tem dado guarida a um intervenção prejudicial a população de Campo Grande.

Cansamos de ouvir acusações infundadas contra a Associação Beneficente e seus Diretores. Enquanto isto, dívidas não foram pagas, equipamentos e o prédio foram sucateados, a média e alta complexidade (cirurgias eletivas e transplantes) deixou de funcionar minimamente a contento e até mesmo o Pronto Socoro, pivô da intervenção deixou de atender a população.

Agora são os Postos de Saúde que viraram o drama da população. Deixaram de atender na Santa Casa porque diziam, iriam atender nos Postos de Saúde. E a população sem mais esperança e revoltada passam até mesmo a agredir os médicos.

A incompetência que se instalou na gestão da saúde em Campo Grande precisa ter um fim. Quem mais acredita numa administração que toda vez que é pega em situação de ineficiencia administrativa, anuncia decisões espetaculares, sempre para o futuro. São cinco anos de descalabro. Espera-se do Poder Judiciário que nos ajude a consertar esse equívoco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário