quinta-feira, 3 de junho de 2010

MARIA, MARIA.

"De nada me vale lutar se eu não acredito.
De nada me vale debater se não estou convencido.
De nada vale viver se não sobrevivo.
Não adianta esperar que façam, afinal, nunca fizeram não será dessa vez.
Não adianta deixar acontecer, pois só aconteceu quando alguém fez.
Não adianta só tacar pedra, assim nem teremos a chance do talvez.
Vamos lutar.
Vamos amar.
Vamos acreditar."

"Mas é preciso ter força
É preciso ter raça
É preciso ter gana sempre
Mas é preciso ter manha
É preciso ter graça
É preciso ter sonho sempre
Quem traz na pele essa marca
Possui a estranha mania
De ter fé na vida"

Nenhum comentário:

Postar um comentário