quinta-feira, 4 de abril de 2013

DESENVOLVIMENTO NA AMÉRICA LATINA

Conheço o Professor Mangabeira Unger e admiro seu preparo intelectual e profissional. Compartilho a sua entrevista ao jornal El Tiempo (31/03/2013) onde trata da questão do capitalismo na América Latina. Principais trechos:

 
Rebeldia intelectual a serviço da inovação institucional. Os países de renda média, estão sofrendo uma dupla pressão: dos países de trabalho barato, por um lado, e dos países de alta produtividade, por outro.  E para isso é necessário superar o atual modelo industrial existente. Para isso existem duas tarefas fundamentais. A mais simples é acelerar nos grandes centros industriais a mudança para uma economia inovadora, baseada no conhecimento e no valor agregado. Fora dos centros industriais, a tarefa é mais difícil. Você tem que associar o Estado com as pequenas e médias empresas dentro de um novo marco institucional.
 
Não basta escolher entre um modelo americano que regula as empresas à distância e um modelo asiático de política industrial e comercial de unidade, imposta de cima pela burocracia. Nós precisamos de uma forma de coordenação estratégica entre o Estado e as empresas, que seja descentralizada, pluralista, participativa e experimental. Na agricultura, temos que superar o contraste ideológico entre agricultura empresarial e agricultura familiar.
 
Esta é a grande tarefa que temos diante de nós, e requer outro conjunto de ações a serem tomadas. Primeiro, impor o capitalismo aos capitalistas, ou seja, radicalizar a concorrência, quebrando os oligopólios. Segundo, superar o dualismo no mercado de trabalho: atualmente a metade da população no Brasil trabalha na economia informal, uma calamidade. Terceiro, colocar o sistema financeiro a serviço da economia real, criando canais para mobilizar a poupança de longo prazo para investimentos produtivos de longo prazo. E em quarto lugar, transformar a educação pública. Passar para um sistema de ensino analítico, problemático, dialético e cooperativo. E não o que temos hoje: um sistema dogmático, informativo, enciclopédico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário